[leia] Deputados aprovam redução de tarifa de energia elétrica.

Dez dias depois de o Senado impor uma derrota ao Palácio do Planalto, a Câmara dos Deputados aprovou ontem a medida provisória com as decisões do governo que garantem a redução das tarifas de energia elétrica, anunciada pela presidente Dilma Rousseff em janeiro deste ano em cadeia nacional de rádio e televisão. Essa será uma das bandeiras de sua campanha pela reeleição. A MP, aprovada ontem – e que em seu texto original previa apenas uma outra medida de alcance popular (a desoneração dos produtos da cesta básica) – terá que ser votada no Senado, antes de ir à sanção presidencial.

A oposição, que prometera entrar com mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal (STF) contra a inclusão da redução da tarifa de energia – que era prevista em outra MP, que caducou por não ter sido votada pelo Senado – recuou da estratégia, facilitando a vitória do governo. Os oposicionistas consideraram que seria difícil justificar junto às suas bases eleitorais o voto contrário a medidas populares, como desoneração de produtos da cesta básica e a redução de energia elétrica.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.