[leia] Egito: Exército derrubou o islamita Morsi e prometeu fazer transição de poder.

Palco de uma mudança política desencadeada por uma revolta popular que resultou na renúnciam, em 2011, do então presidente Hosni Mubarak, na época há 30 anos no poder, o Egito enfrentou, dois anos depois, novas manifestações populares que terminaram com a derrubada do presidente Mohamed Morsi em 3 de julho. Hoje!

Eleito democraticamente em 2012, Morsi se tornou impopular após suas ações contra o Exército, seu acúmulo de poderes e autoritarismo e o domínio da Irmandade Muçulmana no país.. Novos protestos da oposição e da população se espalharam pelo país, culminando com a exigência de sua renúncia e com um ultimato militar.

O prazo de 48 horas dado no dia 1º expirou nesta quarta (3), e os militares anunciaram a queda de Morsi e um plano de transição de poder. O Exército exigia que as “demandas do povo sejam atendidas”, para a alegria dos opositores que reivindicavam a saída de Morsi. A Praça Tahir, que foi palco dos principais protestos no período que levou à renúncia de Mubarak, segue ocupada por manifestantes.
Foto: G1
[leia] Egito: Exército derrubou o islamita Morsi e prometeu fazer transição de poder. [leia] Egito: Exército derrubou o islamita Morsi e prometeu fazer transição de poder. Reviewed by Blog Pindoba Notícia on 17:49 Rating: 5

Nenhum comentário