[leia] TSE suspende eleição que seria feita em fevereiro em Mossoró.

A Justiça Eleitoral anunciou nesta segunda-feira (30) mais uma mudança na política do Rio Grande do Norte ao suspender o processo de novas eleições em Mossoró. O novo pleito seria em fevereiro.

A decisão é do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) feita pelo ministro Marco Aurélio, presidente da Corte que suspendeu a  eleição suplementar à Prefeitura, marcada para dia 2 de fevereiro. O motivo do novo pleito era justificado pelas 12 cassações dos mandatos da prefeita e do vice-prefeito, Cláudia Regina (DEM) e Wellington Filho (PMDB).


A determinação era do Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Marco Aurélio amparou pedido de liminar em mandado de segurança, de advogados da prefeita cassada e afastada Cláudia Regina (DEM). Outra novidade foi a determinação da permanência da deputada estadual Larissa Rosado (PSB) no mandato.
 
Em fim, uma verdadeira perca para a sociedade Mossoroense e potiguar que vive momentos de incertezas quanto as decisões judiciais. São escândalos em cima de escândalos e tudo parece permanecer incerto.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.