Felipe Guerra Cantou sua arte no II Festival de Repentistas de Viola na Programação de 51 anos.

No domingo, dia 14 de setembro, com início às 19 horas, continuando as comemorações alusivas aos 51 anos de Emancipação Política deste município com uma vasta programação que se estenderá até o dia 18, aconteceu na Praça pública da Cidade Baixa, em sua segunda edição, o Segundo Festival de Violeiros.

O evento aconteceu dentro das expectativas e contou com expressiva participação popular, principalmente dos amantes da poesia da cultura nordestina no município felipense e de outras cidades da região. Uma História de Pedra de Abelha- Venha Viver a Sua História, foi a temática central do Evento da Emancipação Política de Felipe Guerra.

O importante e tradicional evento teve participação de grandes repentistas de Viola da Região Nordeste e do Rio Grande do Norte dentre eles, Moacir Laurentino, Geraldo Amâncio, Ivanildo Vila Nova, Raimundo Caetano, Geraldo Pereira, Paulo Pereira, Louro Branco, Chico de Assis, Zé Monteiro, Sebastião Dias, Antônio Lisboa, Kléber Morais, Alvaci Tavares.
Foi um dos maiores orgulhos, como filho desta querida terra-berço e prefeito deste pacato e valoroso povo, proporcionar na data magna de Felipe Guerra este mega Show de Cultura Popular”, comenta emocionado o Prefeito Haroldo Ferreira de Morais (PROS).

O renomado cantador e repentista Moacir Laurentino, como no ano anterior em sua primeira edição do evento de Violas e Repentes, juntamente com o Secretário-Chefe de Gabinete Civil, Luiz Agnaldo de Souza e demais membros da equipe organizadora do evento, inclusive o Secretário Municipal de Turismo e Eventos Genicleyton Almeida de Góis, fizeram o possível para que fosse sucesso total a segunda edição deste Show de Cultura Popular.

Felipe Guerra passou a ser no domingo, dia 14, a Capital do Estado no Show de Poesia Popular nas vozes e belos repentes destes renomados catadores repentistas. Moacir Laurentino é paraibano e tem quase meio século de “estrada” pelo repente da cantoria. Juntamente com a equipe organizadora do 2º Festival de Violeiros de Felipe Guerra, se inspirou e versou no calor do acontecimento na noite de domingo.

Domingo saiu verso que tremeu o Vale e a Serra e nós provamos cantando que o povo em Felipe Guerra é muito identificado com a cultura da terra”, comentou o renomado repentista de Viola Moacir Laurentino.  Toda a Programação alusiva aos 51 anos de Emancipação Política de Felipe Guerra é uma promoção do Governo Municipal, através das Secretarias Municipais de Cultura e Lazer e Turismo e Eventos. 

Felipe Guerra Cantou sua arte no II Festival de Repentistas de Viola na Programação de 51 anos. Felipe Guerra Cantou sua arte no II Festival de Repentistas de Viola na Programação de 51 anos. Reviewed by Blog Pindoba Notícia on 11:21 Rating: 5

Nenhum comentário