Pesquisar....

Prefeito Haroldo Ferreira entrega 35 unidades habitacionais para famílias de baixa renda.

DSC_9882


O Prefeito Haroldo Ferreira entregou na manhã deste sábado (21), num ato democrático e transparente, 35 unidades habitacionais aos beneficiários do Programa Minha Casa Minha Vida I, destinado às famílias de menor renda. Mesmo não tendo a infraestrutura concluída, como água; energia e calçamento, o Governo Municipal de Felipe Guerra se viu obrigado a fazer a entrega dos imóveis por conta de atos de vandalismo e ameaça de invasão aos imóveis.

 [highlight][/highlight]

O ato da entrega se deu em forma de sorteio e, ocorreu no conjunto habitacional, Maria de Lourdes de Moraes, lá, todas as residências que seriam entregues foram numeradas de 01 a 35. Em uma caixa fechada encontrava – se um papel bem enrolado que continham os números de cada casa, os benificiários eram chamados um a um, em que pegava o papel na caixa que estava um número, o número que estivesse no papel seria a residência que ele irá morar.



Estavam presentes na entrega os Secretários, Sub Secretários, técnicos do Governo Construindo e Inovando, vereadores, Salomão Gomes, Ronaldo Pascoal, Paulo Cezar, Ubiracy Pascoal e Djalma Laurindo.

O vereador Ubiracy Pascoal abriu a sessão dos discursos, enfatizando a legitima forma e tamanha transparência que estava sendo feita a entrega das residências, a Primeira Dama, Girlene Ferreira, também falou aos novos proprietários da casa própria, a mesma conseguia enxergar no rosto de cada um, a tamanha felicidade por estar recebendo um bem tão importante para família, que é de ter um lar para morar e cuidar. O Vereador Djalma Laurindo também levou sua mensagem, o mesmo falou como funcionário da Cosern e prometeu que muito em breve estaria colocando os postes com toda instalação elétrica necessária para fazer a ligação para as residências.


DSC_9925


O Prefeito Haroldo Ferreira na sua fala deixou claro que aquela não era forma que ele queria fazer a entrega, se referindo ao vandalismo que já vinha ocorrendo, diante disso, o mesmo procurou o Secretário da Assistência Social, Adailton Moraes para achar uma solução para o problema, e a maneira encontrada, foi a entrega do imóvel, mesmo sem a infraestrutura, sendo assim, o proprietário estará vigiando o que é seu de direito.

 [highlight][/highlight]

- “ Essa não era a forma que eu queria estar entregando  as casas, eu queria esperar mais dois ou três meses porque nós licitamos  recentemente sete milhões em calçamento e, dentre essas ruas que estão licitadas esse bairro, essas casas estão contempladas com calçamento........para se calçar nós tivemos a preocupação de antes de calçar procurar a Caern, para que não seja preciso depois de calçar fazer buraco para passar as tubulações e nós já estivemos com o pessoal da Caern e fizemos uma parceria, em que entraríamos com o maquinário e a Caern com as tubulações, já estivemos com o pessoal da Cosern pra ver essa questão da energia, inclusive Djalma trouxe o engenheiro Cláudio, que trabalhou na Cosern e já veio pra gente fazer esse projeto, pra gente encaminhar com  esse projeto....então eu queria já entregar  isso aqui já com calçamento com água, com energia mais infelizmente como estava havendo essa depredação ...como estava chegando todo dia noticia que tinha arrombado mais uma ... mais outra ,aí nos forçou pelo menos agente fazer isso, a entregar as chaves , você saber a residência que você vai morar, porque você fica olhando” Disse Haroldo Ferreira.

 [highlight][/highlight]

Haroldo aproveitou para alertar aos beneficiados sobre a proibição da venda do imóvel. –Existe uma lei municipal que antes de doze anos, ninguém pode vender o bem, vou ser muito claro com vocês: quem eu souber que vendeu, eu vou pra justiça para reaver o imóvel, porque quem vender é porque não precisa, aí eu vou passar pra outro que precisa.”   

 [highlight][/highlight]

O Prefeito ainda fez um balanço das moradias populares que estão sendo feitas no seu governo, além das 35 que foram entregues, ainda tem 42 que estão em fase final, mais 52 que foram doadas e, 52 estão sendo negociada com o Banco Paulista e com o anúncio do PAC 3 o Prefeito espera conseguir mais 80 ou 100 casas, desta forma irá contemplar uma grande parcela da população que não tem moradia própria.

 [highlight][/highlight]

A entrega das moradias foi organizada pela Secretaria Municipal de Assistência Social com participação de todos os técnicos.



DSC_9884 DSC_9901 DSC_9911 DSC_9915 DSC_9932 DSC_9935 DSC_9944 DSC_9946 DSC_9953 DSC_9955 DSC_9956 DSC_9958 DSC_9959 DSC_9961 DSC_9962 DSC_9964 DSC_9968 DSC_9970 DSC_9972 DSC_9973 DSC_9974 DSC_9976 DSC_9978 DSC_9980 DSC_9981 DSC_9982 DSC_9984 DSC_9985 DSC_9986 DSC_9989 DSC_9990 DSC_9992 DSC_9994 DSC_9995 DSC_9997 DSC_9998 DSC_10000 (4) DSC_10000 (8) DSC_10000 (10) DSC_10000 (11) DSC_10000 (14) DSC_10000 (19) DSC_10000 (21) DSC_10000 (33) DSC_10000 (36) DSC_10000 (39) DSC_10000 (40) DSC_10000 (45)


Fonte: Assecom/FG
BERIKAN KOMENTAR ()