Juíza do caso Telexfree dá prazo de 30 dias para manifestação sobre laudo.

jU5ca6lzA juíza da 2ª Vara Cível da Comarca de Rio Branco, Thaís Borges, determinou prazo de 30 dias para que a Ympactus Comercial S/A, a Telexfree e o Ministério Público do Acre (MP-AC) se manifestem sobre o laudo pericial feito após uma auditoria nas contas da empresa. O laudo havia sido entregue à Justiça no dia 11 de fevereiro de 2015, mas o teor não foi divulgado.


De acordo com o Tribunal de Justiça do Acre (TJ-AC), o laudo é conclusivo e agora as partes terão um prazo de 15 dias cada para se manifestarem sobre o conteúdo. Caso uma delas conteste o documento terão que apresentar novas provas. No entanto, caso não ocorram manifestações de nenhuma das partes no período a juíza poderá entrar na fase final do processo e proferir uma sentença sobre o caso, que já se arrasta desde junho de 2013.


A empresa Ernest & Young responsável pela perícia do caso recebeu um pagamento de aproximadamente 2 milhões de reais por levantar dados que comprove que a a TelexFREE é ilegal. Mas para a infelicidade  do Ministério Público do Acre a Ernest & Young não conseguiu provar nada, o que significa que o bloqueio que impede a TelexFREE de operar em todo território brasileiro pode cair.


Os advogados da TelexFREE entraram com um recurso exigindo que a liminar seja indeferida. Thaís Kallil juíza responsável pelo caso afirma que realmente não sabe como a TelexFREE se sustenta no mercado. Mas como não existe provas contra a mesma não é possível manter a liminar.


Nota da Juíza

"Demos um tempo ao Ministério Público caso não encontrem nada para sustentar tal alegação de que a empresa é uma pirâmide, não posso impedir a TelexFREE de voltar as suas atividades."

Informações: G1 Acre/Jaru Mundo de Noticias

Juíza do caso Telexfree dá prazo de 30 dias para manifestação sobre laudo. Juíza do caso Telexfree dá prazo de 30 dias para manifestação sobre
laudo. Reviewed by Blog Foco Notícia on 11:45 Rating: 5

Nenhum comentário