Pesquisar....

Coluna de Geraldo Fernandes: “Não adianta tapar o Sol com a Peneira".

OPI-002.eps

Existem fatos que são tão óbvios que não podem ser escondidos, mas que alguns teimam em querer fazê-los despercebidos. Buscam encontrar formas de induzir outras pessoas a ignora-los, ainda que explícitos.


São posturas geralmente usadas por certos políticos do nosso município, que fazem da arte de enganar o seu ofício para a conquista de adesão aos seus propósitos. Mesmo que todos saibam a mentira que expõem, insistem em ludibriar a boa fé dos eleitores.


Assistindo a entrevista (AQUI) do nobre vereador Genilson Nogueira (PMDB), observa-se que o mesmo estava inseguro e nervoso. Se essa entrevista valesse algum ponto, não tenho a mínima dúvida que ele teria tirado um zero (0), pois o nobre vereador foi infeliz ao dizer que a administração de Haroldo Ferreira é uma administração "pequena".


Ora, uma administração que está investindo 6 milhões de reais não pode ser pequena, e sim uma administração grandiosa. Eu acho nobre vereador, que pequeno está sendo o seu pensamento, em defender um sistema, que faltava remédio e médicos no hospital.


- Pequeno é o seu pensamento nobre vereador, em defender um sistema que faltava merenda na escola.


- Pequeno é o seu pensamento nobre vereador, em defender um sistema em que se cortavam as luzes elétricas, em praças e ruas de nossa cidade.


- Pequeno é o seu pensamento nobre vereador, em defender um sistema onde os estudantes andavam em pau-de-arara, junto com lavagens de porcos.


- Pequeno é o seu pensamento nobre vereador, em defender um sistema que destruiu a cidade baixa, maior prova é o mercado público de nossa cidade.


- Pequeno é o seu pensamento nobre vereador, em defender um sistema que deixou a quadra do sitio Tabuleiro inacabada, e ninguém sabe para onde foram esses recursos.


- Pequeno é o seu pensamento nobre vereador, que foi contra o projeto da construção de 50 casas populares para o povo mais pobre deste município, naquela seção o senhor e o vereador Janio Barra se abstiveram em votar, ficando contra a população mais carente de Felipe Guerra.


Eu acho vereador que pequeno estar sendo o pensamento de vossa excelência, durante esses 3 anos o senhor só mandou para a câmara municipal, 3 indicações e 1 requerimento, sendo que no ano de 2014-2015, o nobre vereador ainda não enviou nenhum requerimento e nenhuma indicação para a aquela casa legislativa.


Ainda bem, que o senhor é vereador, por que se o senhor trabalhasse na iniciativa privada sem sombras de dúvidas já estaria demitido.


Nobre vereador, se o senhor realmente quer o bem de sua comunidade, procure o seu deputado, se é que ele lhe conhece, para que o mesmo coloque uma emenda parlamentar para que seja feito algo em sua comunidade, só assim o senhor terá o que dizer em 2016.


Nobre vereador, o senhor estar agindo como perdedor, pois o que o senhor disse, 100% não é a realidade, vou contar ao nobre vereador como é historia do perdedor, é mais ou menos assim:


Ganhador X Perdedor


O ganhador está sempre fazendo.
O perdedor está sempre falando.
O ganhador sempre tem um programa de ação.
O perdedor sempre tem uma desculpa para não fazer.
O ganhador diz:
"dá-me a oportunidade de fazer".
O perdedor diz:
"este não é o meu trabalho"
O ganhador tem sempre uma solução para cada problema.
O perdedor tem sempre um problema para cada solução.
O ganhador faz fáceis as coisas difíceis.
O perdedor faz difíceis as coisas fáceis.
O ganhador diz:
"isto é difícil mas posso consegui-lo."
O perdedor diz:
"isto pode ser impossível, é muito difícil que o consiga."
O ganhador se engrandece perante as dificuldades.
O perdedor se apequena diante dos obstáculos.


Nobre vereador, haja como um ganhador, fazendo de pequenos momentos, grandes oportunidades!


***


11041337_680989685345761_755506918_n


Coluna publicado semanalmente por Geraldo Fernandes – Apresentador dominical do programa “Espaço Livre” da FM liberdade, Santanense, Historiador, pesquisador e Membro da Academia de Letras de Apodi.

BERIKAN KOMENTAR ()