Delator: antes me chamavam de bandido, agora dão parabéns

Paulo Roberto Costa: ele agora tirou a barba e cortou o cabelo bem curto
O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa disse, em entrevista à Folha de S.Paulo, que antes saía na rua e só ouvia gritos de "bandido". Mas agora isso mudou: "As pessoas dizem: 'Parabéns!' Muito bem! Você entregou os políticos!". Costa, o primeiro delator da Lava Jato, fechou um acordo em agosto do ano passado. Ficou cinco meses preso em Curitiba e um ano em prisão domiciliar no Rio de Janeiro. Hoje, mora em Petrópolis, e desde 8 de outubro tem autorização para sair de casa durante o dia. O ex-diretor, que chegou a ser chamado de "amigo Paulinho" pelo ex-presidente Lula, está escrevendo um livro para contar sua versão dos fatos.
Fonte: Veja

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.