Polícia Civil divulga detalhes da investigação do caso Alcivan Medeiros

Uma investigação conduzida pela Delegacia de Polícia Civil de Santana do Matos, com apoio da Delegacia de Polícia Civil de Angicos e da Delegacia Especializada em Homicídios (Dehom) de Mossoró, resultou na prisão de João Carlos Bezerra da Silva (foto), 25 anos, suspeito pela morte do professor Alcivan Medeiros da Silva. Os detalhes da investigação foram divulgados nesta sexta-feira (22), em uma coletiva de Imprensa.

Nossa investigação descobriu que dia 02 de abril deste ano, o professor de matemática saiu de Mossoró em seu veículo, juntamente com o suspeito. No dia seguinte, o carro do professor e um corpo foram encontrados carbonizados, em um sítio chamado Tigre, município de Santana do Matos. Após o crime, o suspeito João Carlos Bezerra da Silva voltou para Mossoró em um táxi e sem o carro do professor”, detalhou o delegado responsável pela investigação, Dilton Nascimento, titular da DP de Santana do Matos. De acordo com a Polícia Civil, a vítima e o suspeito moravam em um mesmo apartamento.
Suspeito aparece nas imagens da Câmera de Segurança

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.