Audiência Pública discutiu o papel da sociedade em defesa dos direitos da criança e do adolescente

A audiência pública realizada na noite de terça feira (17), na câmara de vereadores discutiu o papel dos seguimentos da sociedade civil organizada de Felipe Guerra em defesa dos direitos da criança e do adolescente. A audiência foi provocada pela Secretária Interina de Assistência Social Girlene Ferreira e, proposta na câmara para apreciação dos demais vereadores pelo Vereador Ubiracy Pascoal.

Na reunião estavam presentes representantes da segurança pública, membros do conselho tutelar, Diretores das Escolas, Professores, Alunos, Projeto Social Abelhar, membros de sindicatos, servidores das secretarias do município e bancada de vereadores da situação.

O Vereador Ubiracy Pascoal iniciou as participações nas discursões, se mostrando muito preocupado com algumas situações, em que menores estão frequentando ambientes impróprios e fora de horário e, solicitou que o conselho tutelar se faça mais presente nestes ambientes e horário.  

O Terceiro Sargento PM, Deugineto, responsável pela segurança pública, em sua fala, pediu que tivesse mais representantes da sociedade civil organizada (se referindo a comerciantes e líderes religiosos) com intuito de fortalecer o movimento para defesa dos direitos da criança e adolescente, disse ainda, que a forma correta não é repressão e sim orientação.

O Vereador Luiz Agnaldo pediu uma periodicidade desse tipo de encontro, já que é um tema muito complexo. O Presidente da Câmara Salomão Gomes apresentou o projeto de lei de sua autoria que obriga, a donos de bares, motéis e similares a fixarem na entrada de seu estabelecimento informativo desta lei. O Vereador Djalma Laurindo se prontificou com os conselheiros tutelares a acompanhar – lós nas ocorrências. Vereadora Joedna Canela elogiou o vereador Ubiracy pela iniciativa da audiência.

A Secretária Interina Girlene Ferreira apresentou as ações da Secretaria de Assistência Social relacionadas as crianças e adolescentes. A mesma relacionou vários projetos do Governo, dentre eles os serviços de convivência e fortalecimentos de vinculo, as brinquedotecas, o apoio aos conselheiros, atividades esportivas, parcerias com o Projeto Abelhar, Escolinhas e Visão Mundial.  Nos encaminhamentos finais da audiência, formou – se uma comissão, que irá programar novas reuniões e, com isso solucionar algumas demandas discutidas nesta audiência.    
Fonte: Assecom/FG

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.