Assembleia do RN demite 13 servidores suspeitos de fraudes no Bolsa Família

A Assembleia Legislativa (AL) publicou na manhã de hoje (15) a exoneração de 13 servidores de 13 servidores que são apontados pelo Ministério Público (MP) por receber dinheiro do programa Bolsa Família de forma irregular. A lista dos servidores pode ser conferida no Boletim Eletrônico da Casa. 

A exoneração dos servidores acontece depois que o MP divulgou uma lista do Tribunal de Conta da União (TCU), onde constavam nomes de 32 servidores da AL que recebiam dinheiro do Bolsa Família irregularmente. Deste total, 13 mantinha relação ativa com a Assembleia.

A investigação é do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), que apurou os dados e verificou o rendimento dos servidores que estavam cadastrados no programa do governo federal.

Na última segunda-feira (13), após a denúncia do Ministério Público, a AL informou que não tem direito de questionar os servidores sobre o recebimento de benefícios de programas ou projetos sociais do governo federal. E, afirmou ainda, que 19 dos 32 servidores não faziam mais parte do quadro de funcionários da Casa.

A Assembleia informou ainda que os servidores ativos listados seriam convocados para prestar esclarecimentos.
Nominuto
Assembleia do RN demite 13 servidores suspeitos de fraudes no Bolsa Família Assembleia do RN demite 13 servidores suspeitos de fraudes no Bolsa Família Reviewed by Blog Foco Notícia on 15:32 Rating: 5

Nenhum comentário