Mulher do prefeito Silveira revela “Pacto da Morte” com Tião para Rosalba não vencer as eleições

Amélia "entrega" pacto entre Silveira e Tião
Aliados dos candidatos a prefeito de Mossoró, Josué Moreira (PSDC), Rosalba Ciarlini (PP) e Gutemberg Dias (PC do B), estão chamando de “Pacto da Morte” um suposto acordo que teria sido feito entre o prefeito Francisco José Júnior (PSD), candidato à reeleição e o empresário candidato Tião da Prest (PSDB), cuja única finalidade seria barrar o favoritismo de Rosalba.

A revelação emergiu através de áudios que passaram a circular na imprensa e nas redes sociais, onde a primeira-dama Amélia Ciarlini afirma que existe um pacto não só político, mas também jurídico, para detonar Rosalba.

Na conversa com assessores, Amélia chega a admitir claramente a dificuldade de vencer a candidata Rosalba Ciarlini e, para tanto, surgiu a necessidade de juntar as forças com Tião da Prest “para não morrer e os Rosados não voltar”.

O suposto pacto para não morrer entre os dois candidatos chegou inclusive a ser alvo de comentários em rodas políticas da cidade antes mesmo dos áudios serem vazados. A partir da avaliação de sondagens internas ventilou-se entre pessoas próximas ao prefeito Silveira, a possibilidade dele desistir da candidatura e passar a apoiar Tião.

No entanto, logo que o burburinho tomou conta da cidade, alguns aliados de Tião apontaram que receber apoio abertamente de Silveira seria um suicídio político para Tião, já que mataria seu discurso de “Salvador da Pátria”, uma vez que de certo modo ele estaria surfando no desgaste administrativo do prefeito Francisco José da Silveira Júnior.

Na opinião desses aliados, Tião já enfrenta desgaste ao se apresentar como novo e como opção alternativa aos grupos tradicionais, e ainda assim, contar em seu palanque com as ex-prefeitas Fafá Rosado e Claudia Regina, entre outros. Se aliar claramente ao prefeito Francisco José Júnior seria outro erro político e ponto totalmente fora do tom. Receber esse apoio nas entrelinhas sem o conhecimento popular seria mais conveniente.

Coincidência ou não, a partir desses comentários, diminuíram as agressões mútuas entre Tião e Silveira e os dois passaram a centrar artilharia contra a ex-governadora Rosalba Ciarlini como alvo principal. Em paralelo, muitos candidatos a vereador de partidos que estão no arco de apoios ao prefeito, migraram e estão migrando para apoiar Tião. A revelação dos áudios chega exatamente nesse momento de “transição”.

“Existe um pacto entre Tião e Silveira, certo? Tanto jurídico como político. Esse pacto é… você quem tiver melhor, certo, faz a junção. Para não morrer e os Rosado não voltar”, revela Amelia Ciarlini em um dos áudios.

Em outro, ela ainda “denuncia” sem saber que estaria sendo gravada, que Tião estaria cometendo crime eleitoral ao comprar bases. “Tião não está jogando com os vereadores. Tá jogando com as bases, indo direto pro dinheiro. Então, ou seja, a gente cresce no nosso discurso e ele cresce em cima de Rosalba. Ok?”, realça.

Os áudios que vieram à tona através de matérias no Portal No Ar, receberam contestação tanto da assessoria do prefeito Francisco José Júnior, quanto do candidato Tião da Prest. Eles negaram o acordo através de notas.

Ainda no decorrer da semana, outro áudio foi revelado vindo da primeira dama, quando ela mostra revolta com o vereador Alex do Frango, que estaria se utilizando de recursos repassados pela coordenação da campanha, para “comprar” bases eleitorais, mas sem aliar os votos ao prefeito.

A reta final da campanha em Mossoró parece prometer muitos outros lances em meio a atmosfera já nervosa.
Gilberto de Sousa
– da Redação Rede News 360

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.