‘Não existe crise econômica no Brasil’, diz Temer na Alemanha

O presidente Michel Temer afirmou nesta sexta-feira que não existe crise econômica no país, destacando dados recentes da indústria, do agronegócio e de empregos, ao desembarcar em Hamburgo, Alemanha, para a reunião do G20. “Crise econômica no Brasil não existe. Vocês têm visto os últimos dados”, disse. “Pode levantar os dados e você verá que nós estamos crescendo em empregos, estamos crescendo na indústria, estamos crescendo no agronegócio. Lá (no Brasil) não existe crise econômica”, acrescentou.

Temer viajou para o G20 em meio a uma ampla crise política. Ele é alvo de denúncia de corrupção passiva apresentada pela Procuradoria-Geral da República tendo como base as delações de executivos da JBS. Em um vídeo publicado na quinta-feira logo após o embarque, o presidente comemorou a evolução dos indicadores econômicos e os trabalhos no Congresso para afirmar, de maneira indireta, que o governo não está ocupado apenas com a crise.

Temer tem concentrado nos últimos dias seus esforços para garantir que a Câmara dos Deputados não dará os 342 votos necessários para que a denúncia da PGR seja examinada pelo Supremo Tribunal Federal (STF). O presidente chegou a desistir da viagem à Alemanha por causa da crise política, mas acabou mudando de ideia na tentativa de mostrar que o governo está trabalhando normalmente.

Veja (com Reuters)

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.