Justiça bloqueia R$ 2,4 milhões de deputado estadual e empresários de São Miguel

Galeno Torquato foi prefeito de São Miguel até 2012, após ser reeleito em 2008
A Justiça Estadual deferiu pedido do Ministério Público do Rio Grande do Norte e bloqueou quase R$ 2,5 milhões das contas do ex-prefeito de São Miguel e atualmente deputado estadual Galeno Torquato (PSD) e de empresários envolvidos em suposto esquema irregular de licitações no município. Por meio da Promotoria de Justiça de São Miguel, o MPRN moveu ações civis públicas contra eles por atos de improbidade administrativa.

Nas investigações realizadas, a Promotoria de Justiça constatou que o grupo teria fraudado licitações nas modalidades carta convite e pregão presencial. Foram vários tipos de irregularidades, de acordo com o Ministério Público, desde o conluio das empresas licitantes (cujos sócios e representantes, a princípio, possuem vínculo); passando pela entrega de convite aos licitantes no mesmo dia em que emitido (sendo que os licitantes não possuem sede em São Miguel) até indícios da inexistência da empresa contratada no endereço fornecido, ausência de empregados e que subcontratou todo o serviço que deveria prestar à Prefeitura (tendo sido a única participante de pregão).

Agora RN
Justiça bloqueia R$ 2,4 milhões de deputado estadual e empresários de São Miguel Justiça bloqueia R$ 2,4 milhões de deputado estadual e empresários de São Miguel Reviewed by Blog Foco Notícia on terça-feira, maio 01, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário