Pesquisar....

Bebê de dois anos é morto com tiro no pescoço em Mossoró

João Alexandre e Mikarla Fhiana estavam dormindo em casa com o filho João Guilherme quando 4 homens invadiram a casa atirando
O bebê João Guilherme Teixeira de Melo, de 2 anos, foi assassinado a tiros por volta de 2 horas da madrugada desta segunda-feira, 11, no bairro Boa Vista, em Mossoró-RN.

O provável alvo dos atiradores era o pai do bebê João Guilherme, João Alexandre Teixeira de Melo, de 26 anos, que teve a cabeça estourada com tiros de espingarda calibre 12.

A mãe de João Guilherme, Mikarla Fhiana Ferreira, de 26 anos, também foi baleada (pernas). O casal e o filho estavam dormindo em casa, perto do Aeroporto Dix Sept Rosado.

O blog O Câmara informou que eram quatro assassinos. Eles estavam num carro. Teriam arrombado o portão de entrada da casa de primeiro andar e aberto fogo na família.

Mikarla Fhiana com o bebê João Guilherme no braço teria se colocado entre os atiradores e o marido João Alexandre, tendo sido baleada pelos atiradores.

João Alexandre morreu no local com tiros na cabeça. João Guilherme e a mãe Mikarla Fhiana foram socorridos para Unidade de Pronto Atendimento do Bairro Belo Horizonte.

O bebê João Guilherme, que sofreu um tiro no pescoço, não resistiu. Mikarla Fhiana foi atingida na altura da virilha e foi transferida da UPA do BH para o Hospital Regional Tarcísio Maia.

O delegado Antônio Teixeira Junior, do Plantão da Policia Civil, informou que foram encontrados capsulas de revólver calibre 38, de pistola e de espingarda calibre 12.

Os corpos de João Alexandre e de João Guilherme foram removidos para exames na sede do Instituto Técnico-científico de Perícia (ITEP), de Mossoró.

O caso deve ser investigado pelos agentes da Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa de Mossoró, com apoio da Força Nacional. 

Fonte: Mossoró Hoje
Publicidade
BERIKAN KOMENTAR ()